Em Quixadá houve prisão por Violência Doméstica. - Blog do Walter Lima

Destaques:

Adsense Abaixo do Cabeçalho

Adsense Início dos Posts

20 de mai. de 2019

Em Quixadá houve prisão por Violência Doméstica.

Dia 17/05/2019, por volta das 17h40min, foi repassado a que um foragido da justiça estava agredindo fisicamente a sua companheira além de ameaçá-la de morte no residencial Raquel de Queiroz, em Quixadá. O homem que estava espancando a mulher, segundo a polícia tinha mandado em aberto. A vítima da violência doméstica é uma vendedora de Quixadá.

Imagem ilustrativa 
Foram enviadas ao local duas composições. O AGRESSOR havia fugido, então montaram um cerco que as 18h30min obtiveram êxito com a prisão do acusado, logo em seguida conduziram as partes, vítima e acusado à Delegacia Regional em Quixadá-CE para as medidas cabíveis, saliento-vos ainda que, o acusado além do mandado em aberto, possui uma extensa ficha criminal.

As informações foram repassadas a imprensa pela polícia.

Para correção, sugestão de reportagem e ajuda ao nosso trabalho: walterlimasousa@hotmail.com e WhatsApp 8899975-0082

Siga nossas páginas para acompanhar transmissões e reportagens 

                      Apoia o trabalho do radialista Walter Lima:

Raynet-telefone-blog-do-walter-lima-anunciar
Fibra Óptica da RayNet já chega no Distrito de KM 20


contato-escola-senador-pompeu-turma-da-m%25C3%25B4nica-blog-do-walter-lima-
Marmitaria%2Bjp
Veja outras notícias abaixo:

JUNIOR SARAIVA: UMA NOTÍCIA BOA, OUTRA RUIM...

Ladrões arrombam estabelecimento e levam 02 litros de wisque Black Withe, 02 litros de vodka, 02 litros de Dreher, 03 caixa cerveja Itaipava, 05 litros de cachaça e 02 fardos de refrigerantes.

Confundido com Zé do Valério idoso é pego por populares

Senador Pompeu: Acidente de moto e caminhão mata sargento reformado; CE's estão encobertas por mato

Senador Pompeu: Acidente no Centro com atropelamento deixa vítima em estado de atenção

Senador Pompeu Vereadora toma posse como secretária 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seus comentários. Cautelosamente apreciaremos para liberação.
Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.

LEIA TAMBÉM:

Receber notícias no e-mail

Adsense Final dos Posts

Raynet-telefone-blog-do-walter-lima-anunciar